Bem-vindo(a) ao Consultório Psicologia Familiar. Aqui poderá expor as suas questões e obter informações úteis sobre Vida Familiar.
ENVIE A SUA QUESTÃO.
As respostas às suas dúvidas atendem a diversos critérios. Neste serviço, não serão consideradas válidas questões com falta de enquadramento ou situações de emergência que só possam ter encaminhamento imediato. Nenhuma resposta pressupõe um diagnóstico por parte da nossa equipa nem a substituição de um acompanhamento especializado.

POSTS RECENTES

Tipos de Ansiedade

Problemas de Ansiedade

Problemas de comunicação

Auto-Estima

Psicoterapia para Depress...

Casal Feliz, Como ser?

Casal e os Filhos de outr...

Bom relacionamento

Boa Relação Intima

Perturbação Bipolar

ARQUIVOS

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Setembro 2011

Quinta-feira, 1 de Março de 2012

Gostava Que o Meu Marido Assumisse o Seu Papel na Família

Clínica Psicologia Lisboa Casal Feliz

 

Questão colocada: “O meu marido não me preenche como mulher. Não me ajuda com as minhas filhas, não me ajuda com a casa, nem tem iniciativa para nada. Gostava que ele assumisse o seu papel na família, mas não sinto que ele se esforce nesse sentido. Estou desesperada porque por muito que eu lhe diga ele volta sempre ao mesmo. Que posso fazer?”

 

Cara leitora

Vejo que está a olhar para a sua relação de uma forma negativa, talvez porque esta é pouco gratificante e não há mesmo nada que possa fazer, ou talvez porque apenas está a olhar para o que não tem e a esquecer o que tem.

É sempre desesperante quando a maioria das tarefas familiares e domésticas estão a cargo de um só membro do casal, mas será que já foram gastos todos os esforços no sentido de incentivar o seu marido? Será que a forma como o tem feito tem sido a melhor? Quer mesmo melhorar a relação e com
isso tornar-se uma mulher mais feliz?

 

Eis algumas dicas:

  • Fale com o seu marido sobre o que ele entende ser o seu papel de pai e de marido; oiça-o com atenção.
  • Reorganize as rotinas familiares com a ajuda do seu marido e inclua-o.
  • Faça planos antecipados de programas familiares onde cada membro da família escolhe a melhor forma de passarem juntos os dias.
  • Diga ao seu marido directamente o que espera dele e peça-lhe para ele lhe dizer também o que espera de si.
  • Divida as tarefas da casa por todos os membros da família, à medida das possibilidades de cada um.
  • Pergunte ao seu marido o que ele gostava de fazer e como. Deixe-o ter iniciativas próprias e não as menospreze, quando estas surgirem.
  • Reforce o esforço e centre-se na mudança e no presente, e nunca nos erros do passado.

 

As relações familiares não são fáceis, é um árduo trabalho de equipa. Premeie a sua equipa com afecto e tolerância. Se existir amor, os gestos agradáveis passam a ser mais constantes e a harmonia torna-se possível. Leia mais em O Que Precisa Para Ter Uma Família Ainda Mais Feliz – Parte I

Não desista de ser feliz.

 

Clínica Psicologia Lisboa

Marque Consulta Psicologia

publicado por Clínica Psicologia Lisboa às 17:20
link do post | favorito

O Consultório Psicologia Familiar é desenvolvido pela Clínica Psicologia Lisboa.

TORNE-SE FÃ DA NOSSA PÁGINA
psicoterapiaDr. Pedro Albuquerque licenciou-se em Psicologia Clínica e do Aconselhamento, especializou-se em Psicoterapia de Grupo, Terapia de Casal e Coaching. Desenvolveu a sua práctica clínica no Hospital Júlio de Matos e em clínicas privadas. Possui estudos de doutoramento em Psicologia Clínica, pela Universidade de Coimbra. Formação em EMDR e Programação Neuro-Linguistica. É membro da Sociedade Portuguesa de Psicodrama, da Sociedade Portuguesa de Terapia Familiar, da Sociedade Portuguesa de Psicoterapias Construtivistas e da Associação Portuguesa para o Mindfulness. É fundador da Clínica Psicologia Lisboa.

psicoterapiaDr. Ana Teresa Marques licenciou-se em Psicologia Clínica, especializou-se em Psicoterapia Individual, Terapia de Casal e da Familia. Desenvolveu a sua práctica clínica no Instituto de Cardiologia Preventiva e em clínicas privadas. É membro da Sociedade Portuguesa de Terapia Familiar. É membro fundador da Associação Portuguesa para o Estudo e Prevenção dos Abusos Sexuais de Crianças e da Associação EMDR Portugal. É fundadora e Directora Clínica da Clínica Psicologia Lisboa.


CONTACTOS:
Morada: Av. João XXI, nº. 28, 2º.Dir, Lisboa
Telefone: 96 140 49 50
Telefone: 91 437 50 55
Email: clinica.psicologia.lisboa@gmail.com
Site: www.clinicapsicologialisboa.com

PESQUISAR NESTE BLOG

 

tags

todas as tags

links

SUBSCREVER FEEDS